Eu não uso mais xampu!

Eu não uso mais xampu. Nem creme dental, desodorante, creme facial ou hidratante!

Calma, não vá pensar que agora ando fedida e suja por aí! Deixe-me explicar: eu não uso mais esses produtos cheios de química, mas sim a versão saudável.

No início do ano, comentei aqui que uma de minhas metas para 2015 era aprender a usar produtos de higiene alternativos e saudáveis – e levei a questão a sério! Já nas primeiras semanas do ano abandonei o xampu, o creme dental, o hidratante corporal e o creme facial… calma… os cheios de química – ainda mais depois de entender melhor os malefícios dos componentes desses produtos e seus potenciais efeitos negativos sobre o corpo (e meio-ambiente), como câncer de mama, alergias, desequilíbrio das glândulas sebáceas, etc.

A seguir, apresento a você os cosméticos que uso atualmente:

1. Esses são os produtos que uso para fazer meu próprio creme dental, que aprendi aqui. Além de ser totalmente livre de todas as químicas prejudiciais, é super fácil de fazer, muito eficiente e dura cerca de 3 meses. Uma receita rende uma bisnaga do tamanho que aparece na foto (já estou precisando fazer mais!). A dica é usar uma argila que seja bem fininha, como a da Phytoterápica, para que o creme não apresente resíduos. Se você também se preocupa com as químicas que entram em sua boca todos os dias, recomendo que experimente essa alternativa.

2. Troquei o creme facial industrializado pelo óleo de rosa mosqueta. Além de natural, estou gostando dos resultados. Ele rende muito, já que a recomendação é espalhar apenas de 2 a 3 gotinhas no local desejado à noite (ele é foto sensível, por isso não pode ser usado durante o dia). É possível encontrá-lo em lojas físicas de produtos naturais, farmácias convencionais e também pela internet. Adquiri o meu aqui.

3. Ganhei esse sabonete caseiro de castella de uma amiga que seguiu este passo a passo. Gostei muito do sabonete e senti diferença na pele. Eu ainda não me aventurei a fazer meu próprio sabonete, mas estou animada a aprender.

4. Como meus cabelos são cacheados, o co-wash tem sido a melhor opção para mim. Faço o co-wash duas vezes por semana com o condicionador da linha Lory’s (mas pode ser qualquer um dos produtos indicados aqui), pois para dar certo o produto de ser livre de parabenos, petrolados e silicones insolúveis em água. Uma vez no mês, faço uma limpeza mais profunda lavando os cabelos com 250 ml de água + 1 colher de chá generosa de bicarbonato de sódio + 4 gotas de óleo essencial de melaleuca. Coloco essa mistura em um frasco vazio de xampu, espalho aos poucos no couro cabeludo e cabelos e esfrego bem antes de enxaguar. Na internet há várias receitas dessa mistura de bicarbonato, mas a proporção ideal dos ingredientes para o seu tipo de cabelo quem vai descobrir mesmo é você! Dependendo do seu tipo de cabelo, pode ser que em vez do co-wash, você se dê melhor com o low-poo ou apenas com a mistura de bicarbonato mesmo. Você precisará testar e avaliar a melhor opção.

Cá pra nós, sempre achei que meu cabelo era ruim mesmo, como costumava brincar: “estilo vassourão”, e que não tinha jeito, e muitas vezes me senti até meio chateada com o fato de as minhas irmãs terem cabelos lisos e só eu os cachos rebeldes. É claro que os cachos exigem um pouco mais, mas agora sem a interferência prejudicial dos xampus cheios de químicas, mesmo os que se dizem adequados para o meu tipo de cabelo, senti uma diferença gritante no visual. E para uma finalização super saudável e eficiente para manter a definição dos cachos, o gel de linhaça é imbatível. Se você também tem cachos, vale super a pena testar! Uma amiga indicou o óleo de argan para definir os cachos com facilidade e saúde. Ainda não testei. Se você já testou e gostou, deixe seu comentário me ensinando como faz, ok?

5. Descobri que o óleo de ricino ou mamona é um excelente hidratante corporal, muito superior ao óleo de amêndoas. Embora seja bem viscoso e não tenha um cheiro que se pode chamar de agradável, ele é absorvido logo pela pele e o aroma se resolve facilmente com o acréscimo de umas gotinhas de algum óleo essencial de sua preferência. Adquiri o meu aqui.

6. Com o óleo de amêndoas, cravo e álcool aprendi aqui a fazer um poderoso, porém saudável, repelente. Super aprovado por mim (e reprovado pelos mosquitos)! 

7. O Leite de Magnésia Phililips está em uso em minha família por gerações. Não como antiácido, mas como desodorante. Isso mesmo, você não leu errado! Ele atua como um poderoso desodorante, uma solução saudável e eficaz até para o sovado mais fedido! Aliás, ele foi descoberto justamente porque os desodorantes convencionais não estavam resolvendo o terrível problema de suor axilar (famoso cecê) de um parente cuja identidade será mantida em sigilo (afinal, com o leite de magnésia ninguém desconfia quem seja!!!). Minha irmã, que aderiu há pouco a essa quase tradição familiar, teve a brilhante ideia de colocar o conteúdo dentro de um frasco vazio de roll-on e deu certo. Como eu estou nessa há mais tempo, já adquiri a habilidade de usar direto no frasco original sem fazer bagunça. A dica preciosa para não passar raiva está em aplicar o leite de magnésia nas axilas e esperar secar um pouco (questão de segundos) antes de colocar a roupa, pois se você não for cuidadoso, poderá sujá-la.

Ainda tenho muito a aprender nessa área de cosméticos saudáveis, mas até aqui estou muito satisfeita com os resultados positivos na saúde e no visual, sem contar a sensação de liberdade e a alegria de saber que não contribuo mais (pelo menos não como antes) com o impacto ambiental causado pela indústria dos cosméticos. 

Se você tiver mais dicas e sugestões sobre esse assunto, deixe seu comentário aqui. Ficarei muito feliz em aprender com você!

Por Karina Carnassale Deana – Saúde Total

Acompanhe no Facebook

24 Comments

  • selma

    Reply Reply 12 de dezembro de 2015

    Karina, gostei muito das dicas,algumas bem práticas e baratas,fáceis de serem trocadas.Quanto ao gel de linhaça,você sabe se dá para usar no lugar do ágar-ágar,para fazer gelatinas? Boa semana a todos do Vida Campestre!

    • Vida Campestre

      Reply Reply 13 de dezembro de 2015

      Olá, Selma, fico feliz que tenha gostado das dicas. Sobre o gel de linhaça, não sei se dá certo para fazer gelatina. Nunca testei. Se vc testar, me conta depois! Um abraço.

  • Vida Campestre

    Reply Reply 13 de dezembro de 2015

    Olá, Selma, fico feliz que tenha gostado das dicas. Sobre o gel de linhaça, não sei se dá certo para fazer gelatina. Nunca testei. Se vc testar, me conta depois! Um abraço.

  • Dra. Lení Hespanhol

    Reply Reply 14 de dezembro de 2015

    Que dicas bacanas Karina!! E obg por citar o sabão de Castella que te presenteei!!
    Vc foi uma inspiração pra mim…
    Ah, há 3 dias fiz a pasta dental com argila…funciona mesmo, e já percebi melhora na minha gengivite crônica!!

    • Vida Campestre

      Reply Reply 28 de dezembro de 2015

      Olá, Lení

      Não poderia deixar o seu sabão de Castella de fora dessa postagem. Gostamos muito dele. Muito obrigada mais uma vez! Fiquei feliz em saber que aprovou a pasta dental. Muito legal!

      Um beijão,
      Karina.

  • Vida Campestre

    Reply Reply 28 de dezembro de 2015

    Olá, Lení

    Não poderia deixar o seu sabão de Castella de fora dessa postagem. Gostamos muito dele. Muito obrigada mais uma vez! Fiquei feliz em saber que aprovou a pasta dental. Muito legal!

    Um beijão,
    Karina.

  • JULY SAMARA

    Reply Reply 3 de janeiro de 2016

    Karina, Quanta dica boa!!
    Estamos procurando nos libertar dos cosméticos com tantos malefícios pra saúde e pro planeta também. Adotamos o leite de Magnésia há quase 1 anos, de lá pra cá nem um centavo gastos com desodorantes aerosóis! Ele super funciona, colocamos umas gotinhas de óleo de alecrim, fica cheirosinho.
    Quanto ao co-wash, irei adotar em breve, assim que terminar os que tenho em casa. Meu cabelo é bem parecido com o seu, cacheado, acredito que vai dar super certo!
    Estamos ansiosos pra faze o creme dental! Achei a produção do sabonete um pouco difícil. Tenho adquirido os sabonetes vegetais da Natura. Sabe dizer se são puramente vegetais mesmo?
    O hidratante corporal, é o Oleo Essencial de Rícino? Você passa diretamente sobre a pele?

    Um grande abraço, Deus continue abençoando sua família!
    Sou muito edificada com o que leio por aqui!

    • Vida Campestre

      Reply Reply 11 de janeiro de 2016

      Olá, July!

      Que legal que gostou das dicas e que também está buscando se libertar dos cosméticos prejudiciais. Obrigada pela dica do óleo de alecrim no leite de magnésio. Vou testar. Não tenho conhecimento sobre os sabonetes vegetais da Natura, infelizmente. Se descobrir algo, nos avise! Para hidratante corporal, eu uso o óleo vegetal de Rícino e passo diretamente sobre a pela, embora realmente seja viscoso – rs.

      Fico muito feliz em saber que você se sente edificada com os artigos do blog. Que Deus seja louvado!

      Um abraço,
      Karina.

    • JULY SAMARA

      Reply Reply 9 de maio de 2016

      Estou usando os sabonetes da GRANADO e PHEBO que são vegetais. Tenho gostado muito.

    • Vida Campestre

      Reply Reply 10 de maio de 2016

      Estou usando esses também, July. Também estou gostando! Obrigada pela dica!

      Beijos.

  • Vida Campestre

    Reply Reply 11 de janeiro de 2016

    Olá, July!

    Que legal que gostou das dicas e que também está buscando se libertar dos cosméticos prejudiciais. Obrigada pela dica do óleo de alecrim no leite de magnésio. Vou testar. Não tenho conhecimento sobre os sabonetes vegetais da Natura, infelizmente. Se descobrir algo, nos avise! Para hidratante corporal, eu uso o óleo vegetal de Rícino e passo diretamente sobre a pela, embora realmente seja viscoso – rs.

    Fico muito feliz em saber que você se sente edificada com os artigos do blog. Que Deus seja louvado!

    Um abraço,
    Karina.

  • JULY SAMARA

    Reply Reply 14 de março de 2016

    Oi, Karina!

    Estou ha quase duas semanas lavando meu cabelo no estilo cowash e estou impressionada! Os cachos estão mais macios e mais leves, sem tanto creme para pentear pra deixar ele no lugar… fora a economia, que sem duvida e grande!

    Fiz o creme dental, mas não consegui atingir a consistência ideal, assim que acabar, tentarei fazer com menos cha… Mas a limpeza, sem duvida eh otima!!

    Nos mudamos para o interior, e a quantidade de mosquitos e grande, vou testar o repelente agora… estamos nos preparando para o campo, mas por enquanto, saimos da cidade grande, e temos um quintal razoavel com 14 bananeiras, couve, maracuja, batata, acerola, etc. Hoje colhemos muito feijão!! Em breve, colheremos milho!

    Louvo a Deus pela vida de sua familia!

    • Vida Campestre

      Reply Reply 28 de março de 2016

      Olá, July
      Puxa, que legal saber que você está gostando do cowash. Na primeira vez que fiz o creme dental, eu tbm errei na consistência, mas é só acrescentar mais argila que você chega no ponto certo. Quando testar o repelente, me diz o que achou. Que legal que sua casa tem quintal produzindo várias coisas. Não tem feijão mais gostoso do que aquele que a gente plantou, não é mesmo?!
      Beijos,
      Karina.

    • JULY SAMARA

      Reply Reply 9 de maio de 2016

      OI, Karina!
      Fiz hoje pela terceira vez o creme dental e, sem duvidas foi a melhor opção pra minha familia. Tentei experimentar o oleo de coco + bicarbonato de sodio, mas não suportamos o gosto salgado!!
      Ainda não fiz o repelente, mas esta nos planos!

      Quero compartilhar contigo umas receitas de materiais de limpeza naturais. Vieram numa reportagens da revista Vegetarianos. Gostaria de mandar fotos pra você. Se puder me mandar um email jullysamara@gmail.com, te retorno com as imagens da reportagem. Estou usando o detergente de sabao de coco e rendeu muito e desengordura demais! Tem receitas usando o bicarbonato de sodio, vinagre e sabao de coco, basicamente.

      Abraço, minha irmã!

    • Vida Campestre

      Reply Reply 10 de maio de 2016

      Puxa, July, que legal saber que aprovou o creme dental. Eu também gosto bastante dele. Suas dicas sobre materiais de limpeza naturais serão muito bem-vindas. Estou montando um post sobre isso e será legal acrescentar as suas dicas também. Mande as imagens para o nosso email: contato@vidacampestre.com.br

      Um abraço,
      Karina.

  • Vida Campestre

    Reply Reply 10 de maio de 2016

    Estou usando esses também, July. Também estou gostando! Obrigada pela dica!

    Beijos.

  • Arlete

    Reply Reply 11 de agosto de 2016

    Oi Karina
    Você já usou o óleo de coco para hidratar o cabelo? ele é ótimo também para o corpo e rosto por ter vitamina E e outras propriedades maravilhosas. Pretendo usar para cozinhar mas ainda não experimentei. Eu já fiz em casa por não confiar nos vendidos em lojas é uma ótima opção para diminuir o volume.
    Abraços.
    Arlete.

    • Vida Campestre

      Reply Reply 11 de agosto de 2016

      Oi, Arlete

      Sim, já usei o óleo de coco no cabelo, rosto e lábios. Ele é maravilhoso. Acontece que nós somos fãs do óleo de coco na comida, aí não sobra para passar no cabelo! kkkk
      Encorajo você a testá-lo na culinária também. Nós gostamos muito! Agradeço pela dica!
      Beijos.

  • André

    Reply Reply 5 de setembro de 2016

    Olá,Karina. Eu passei a usar o leite de magnésia após ler aqui e o resultado é realmente bom,estava chateado com os desodorantes que não resolviam nada,e isso deixa uma impressão de que a pessoa é relaxada e sem higiene. Penso em adotar os outros produtos também,pois estou farto de consumir flúor na água e creme dental,sabendo que são tóxicos,as pessoas desprezam os problemas porque geralmente se manifestam a longo prazo,e mesmo assim,a medicina joga a culpa em outras coisas,e não nesses produtos,pois são considerados inofensivos nas doses utilizadas.

    • Vida Campestre

      Reply Reply 5 de setembro de 2016

      Que legal André que o leite de magnésia deu certo pra você também! É verdade, vivemos em um mundo tóxico e a indústria faz de tudo para esconder isso ou dizer que na dose certa não tem problema, como você mesmo disse. Mas o resultado de toda essa toxidade é o que temos presenciado em nossa geração: pessoas cada vez mais doentes. Que Deus continue nos ajudando a encontrar soluções para nos livrarmos de toda essa toxidade! Um abraço!

  • Rosana

    Reply Reply 20 de setembro de 2016

    Karina,

    Gostei das suas dicas.
    Eu também utilizo o leite de magnésia como desodorante, é realmente bem eficiente.
    Você falou que usa óleo de rosa mosqueta como hidratante. A babosa
    (aloe arborescens não barbadensis) também é ótima para hidratar, deixa a pele do rosto muito macia, parece até que foi feito uma esfoliação. É só passar o gel e deixar secar.
    Espero que goste da dica.

    Abraços,

    • Vida Campestre

      Reply Reply 20 de setembro de 2016

      Olá, Rosana

      Muito boa a sua dica sobre a espécie correta de babosa. Acabei de verificar e a que temos é a arborescens – que bom! Já faz algum tempo que tenho usado o gel da babosa durante o dia como protetor solar e hidratante. Muito bom e recomendo também! Abraços, Karina.

Leave A Response

* Denotes Required Field