Deus e eu num país europeu (parte 9)

Morangos do nosso canteiro
Um dos meus trabalhos favoritos em Stenshult era cuidar do canteiro de morangos. Antes, porém, de florescerem, precisavam ser limpos das pragas. Esse serviço é muitas vezes trabalhoso, pois existem algumas ervas daninhas difíceis de serem arrancadas pela raiz.
 
Logo no primeiro dia em que fiz esse tipo de serviço, percebi que havia uma erva daninha específica que era a mais encrencada de todas. E haviam tantas dela!…  Meu coração se indispôs fortemente contra ela. Mas ainda assim, continuei tirando o maior número de pragas que podia, para que as mudas de morangos pudessem crescer fortes, florescer e dar fruto.
 
Depois de algum tempo, qual não foi minha surpresa! Quando a primavera chega, não somente as flores dos morangos desabrocham, mas também muitas outras, e entre elas… a dita cuja! Eu não sabia, mas aquela planta encrencada era, na verdade, uma simpática florzinha silvestre, amarela brilhante, que revestia os campos suecos. O mato era flor… e eu não sabia.
 
Como cada planta tem sua época certa para florescer, isso aconteceu várias 
vezes: eu me indispunha contra uma planta e mais tarde descobria sua beleza. Assim Deus trabalhou no meu coração para que eu entendesse que nem tudo é como eu imagino (ou como tenho certeza):
1. Muitas aparentes dificuldades são bênçãos disfarçadas. Na verdade, posso até dizer que “todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus” (Romanos 8:28). Deus é o grande orquestrador de nossa vida. Se entregamos o controle da vida em Suas mãos, devemos crer que Ele o toma e a dirige da melhor maneira que poderia existir. Assim, regozijamos sempre, pois “se Deus é por nós, quem será contra nós?” (Romanos 8:31). Se tomarmos todas as coisas como vindas de um amável Pai (até mesmo as consequências de nossos próprios maus atos, como aprendizado), seremos as criaturas mais felizes da Terra. Deus é quem sabe o porquê dos acontecimentos e cremos nEle.
 
2. Não devemos desprezar coisa alguma (nem pessoa alguma), porque pode ser que se torne mais bela do que nós mesmos. Além disso, nosso discernimento é muito limitado. Julgamos o mal bem e o bem mal. Precisamos do Espírito Santo e das verdades da Palavra de Deus para guiar nossa concepção da realidade de forma a estarmos seguros e fruirmos a real beleza da vida terrena e eterna.
 
3. A flor vem na época certa e cada planta tem seu tempo. Não adianta querermos flores (bonança, prosperidade e até mesmo vitórias de caráter) no nosso tempo. O tempo específico quem controla é Deus. Mas podemos, sim, cooperar no cultivo do solo, para que elas possam vir mais bonitas e até mesmo mais depressa. Assim, se meu irmão está atualmente “florido” ou não, não é uma indicação de as flores não virão, e o fruto, ao final. O único justo juiz é Deus.
 
“E não nos cansemos de fazer bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido”(Gálatas 6:9).
 

Acompanhe no Facebook

5 Comments

  • Anônimo

    Reply Reply 9 de junho de 2014

    OBRIGADA MARIANA VC ME AJUDOU MUITO

    • Mariana Carnassale

      Reply Reply 1 de agosto de 2014

      Amém! Deus te abençoe!

  • selma

    Reply Reply 25 de junho de 2014

    Mariana,gosto muito de ler seus artigos,pois nos traz lindas lições e este foi p/ mim especial, por provações as quais estou passando,mas tem feito um bem danado para minha vida espiritual (como mencionou no último parágrafo do item 1).Segundo o ditado "Deus escreve por linhas tortas";isto, pq neste mundo de pecado, não aprendemos a traçar linhas retas e perfeitas.E quanta erva daninha temos ainda a tirar.

    • Mariana Carnassale

      Reply Reply 1 de agosto de 2014

      Amém! Louvado seja Deus! A verdade é que, quanto mais nos achegamos a Deus, mais provações iremos ter e mais ainda veremos nossos próprios defeitos. É uma escada contínua. Mas, ao mesmo tempo, gozamos da alegria celeste e da paz que excede todo o entendimento! Isso não é lindo? Ninguém pode explicar. Somente quem experimenta. A certeza da salvação, a vida em abuendância, uma visão nova e completamente diferente sobre o mundo e a vida… Louvado seja Deus por isso! (Se puder, leia 1 Pedro 1:5-9).

  • Anônimo

    Reply Reply 28 de julho de 2014

    Acho maravilhoso toda a informação que você passa para nós. Você até poderia passar mais informações ou vídeos de como você plantar, métodos de evitar pragas e outras coisas mais. Porque o primeiro passo já tomei de ser vegetariana, agora o meu próximo passo e desafio é plantar o que devo comer, por isso quero dicas de como plantar e como evitar certas pragas. Quanto a plantação de morangos, que época deve-se plantar?
    Abraço!

Leave A Response

* Denotes Required Field

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Acesse nossas redes sociais