Branco como a neve

“Vinde, pois, e arrazoemos, diz o Senhor: ainda que os vossos pecados são como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que são vermelhos como o carmesim, tornar-se-ão como a lã” (Isaías 1:18).

Esses dias atrás viajamos com o papai para um lugar com muita neve. Na hora do culto familiar, o Logan não estava muito contente, deixando aberta a porta de seu coraçãozinho para o inimigo entrar. Após conversar com ele perguntando se podia ajudá-lo (2 Reis 4:2) e pedindo para ele render o coração a Jesus, percebi que ele continuava inquieto e descontente. Então, com a ajuda de Jesus decidi ir até o banheiro para que nós dois pudéssemos conversar sem interrupção.
Primeiramente de joelhos, pedi a Deus sabedoria para me mostrar o que eu poderia fazer para ajudar o Logan a se comportar melhor na hora do culto familiar (Atos 22:10). Assim, perguntei: “Que devo fazer, Senhor?”

Percebi que ele não estava demonstrando interesse em orar e estava tentando sair do banheiro com um choro sem lágrimas, que se infiltrava em meus ouvidos convidando-me a abrir uma porta para a impaciência, mas com persistência clamei ao Senhor e Ele ouviu minha voz. Em minha mente venho um verso bíblico que tenho memorizado ao escutar músicas das Escrituras e uma idéia surgiu:

– Logan você lembra daquela neve que vimos lá fora?

O “choro” parece que foi diminuindo e assim continuei…

– Que cor era? Jesus pede que nós conversemos com Ele para que juntos busquemos a solução para nossos problemas. Jesus quer deixar seu coraçãozinho branquinho como a neve, mas Ele só fará isso se você deixar!

“Todo homem é livre para escolher que poder o regerá” (O Desejado de Todas as Nações, p. 258).

– Você está pronto para tirar de dentro do teu coração tudo o que tem de ruim e jogar fora?

“Mas Jesus, vindo habitar na humanidade, não recebe nenhuma contaminação. Sua presença tem virtude que cura o pecador. Quem quer que Lhe caia de joelhos aos pés, dizendo com fé: ‘Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo’, ouvirá a resposta: ‘Quero: sê limpo’ (Mt 8:2 e 3)” (O Desejado de Todas as Nações, p. 266).

Naquele momento fomos tirando gradualmente a desobediência, o choro e a irritação. O único lugar que tínhamos para jogar tudo isso fora era vaso sanitário. Assim, puxamos bem a descarga e tudo foi embora. Depois de um respiro bem fundo exalamos para fora o restinho de algo de ruim que ainda poderia estar no coração e após uma oração de agradecimento por Jesus ter limpado e feito o coração ficar branquinho e ajudado o Logan a ter vontade de jogar fora o que não era bom, levantamos e pedi um sorriso bem grande ao invés de choro e um abraço, o que ele prontamente me deu. Saímos do banheiro contentes e estávamos agora prontos para continuar o culto. Que o nome de Jesus seja louvado!

Mãe Aprendiz do Logan, 5 anos, e da Larissa, 3 anos.

Amiga querida da Equipe Vida Campestre.

Acompanhe no Facebook

Leave A Response

* Denotes Required Field