Velas Perfumadas

Jesus olhou para os discípulos e respondeu: “Para o homem é impossível, mas para Deus todas as coisas são possíveis” (Mateus 19:26).
Para mim, seria impossível aceitar a vida de mãe, esposa e dona de casa sem as palavras de conforto do meu amigo Jesus.
Gosto muito daquelas velas perfumadas que deixam a casa com um cheirinho agradável – e que mulher não gosta, não é mesmo? Certo dia, meu esposo chegou em casa e foi logo apagá-las, mencionando que não gostava delas, pois lembravam o cheiro de velório!!! Em minha mente surgiu um ponto de interrogação, que decidi enviar ao “filtro”, Jesus, para saber como responder. Mais do que depressa, veio à minha mente uma ideia. Disse: “Pense pelo lado positivo, as velas quando apagadas lembram festas de aniversário!”
Daquele momento em diante, meu esposo aprendeu a apreciar mais as velas perfumadas. Rendi louvores ao meu Deus, pois sozinha não teria a capacidade de elaborar uma resposta tão simples, mas tão positiva.
Já fui muitas vezes a vela da história. Já fiquei frustrada ao me comparar com os pais de outras crianças. Parecia que minha família era um caso perdido, com uma menina manhosa, um menino emburrado, uma mãe reclamona e um marido descontente. Com o tempo, porém, Jesus me ensinou que as minhas atitudes moldam o comportamento de meus filhos e com a ajuda dEle eu posso desenvolver um comportamento positivo.
Hoje ainda cometo erros, mas passei a aprender com eles. Busco informações que melhorem as minhas habilidades. Com a ajuda de Deus, procuro reconhecer as necessidades de meus filhos e ensiná-los a serem pacientes, bondosos, amáveis e responsáveis através do meu exemplo.
Agora, toda vez que sou tentada a me comparar com outra família, peço a ajuda de Deus para não ceder, pois a comparação sempre acaba depreciando alguém. Nosso único exemplo deve ser Jesus. Busco nEle forças para seguir a advertência do apóstolo Paulo, que disse: “Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai” (Filipenses 4:8).
Aprendi a deixar o passado para trás, a pedir desculpas, a não me sentir culpada e a confiar que Deus. Apenas Ele é capaz de mudar meus maus hábitos e transformar minha família para a honra e a glória de Seu nome.
Eu sou apenas uma mãe aprendiz e o meu relato aqui é apenas um exemplo do que li, estou procurando praticar e partilhar. Aprendo dia a dia, ou melhor, segundo após segundo, e não me canso de dividir isso com as pessoas com quem entro em contato.
Se você está com o coração decidido a aprender, somos duas, pois vivendo e aprendendo podemos escolher caminhar com o auxílio de Jesus. “Se um cair, o amigo pode ajudá-lo a levantar-se. Mas pobre do homem que cai e não tem quem o ajude a levantar-se!” (Eclesiastes 4:10). Convido você a fazer de Jesus esse amigo hoje!

Mãe aprendiz do Logan, 5 anos, e da Larissa, 3 anos.
Amiga querida da Equipe Vida Campestre.

Acompanhe no Facebook

Leave A Response

* Denotes Required Field